Carregando Idioma...

Guerra dos Emboabas

Guerra dos Emboabas

Se localize:

Tempo: 1707 a 1709
Espaço: Região das Minas Gerais

No Brasil do início do século XVIII a sobrevivência era a palavra de ordem, especialmente nas regiões situadas mais ao sul da colônia - como São Paulo e Minas - distantes do controle português e da exploração econômica das plantations do nordeste.

Pouco restava além da economia de subsistência e a busca pelo enriquecimento rápido e é nesse contexto que surgem os bandeirantes, bandos que saiam pelo interior do país em busca de escravos e pedras preciosas.

Em 1707, uma dessas bandeiras, lideradas por Borba Gato, encontrou ouro em Minas Gerais. A notícia se espalhou com incrível velocidade para a época e rapidamente diversos aventureiros foram atraídos à região, despertando também o interesse de Portugal, que percebeu o potencial econômico da exploração de minérios em sua colônia.

De imediato, se inicia uma disputa entre os bandeirantes paulistas, nativos da terra do Brasil e os forasteiros portugueses, apelidados de "Emboabas", termo indígena que significava "pata peluda", uma forma pejorativa de se referir às vestes dos europeus.

Os paulistas exigiam o monopólio da exploração, com a justificativa de que foram eles os desbravadores que descobriram as minas. Os portugueses, por sua vez, desejavam o pleno controle da região, para que pudessem coordenar e controlar a exploração, cobrando impostos e abrindo uma nova fonte de renda na colônia.

A isso, se seguiram alguns conflitos pelo poder na região. Os grupos, liderados por Amador Bueno (paulistas) e Manuel Nunes Viana. (portugueses) se enfrentaram algumas vezes e a batalha mais conhecida é a de Sabará, onde os paulistas foram derrotados e forçados a aceitar o controle lusitano das minas.

Como resultado direto da Guerra dos Emboabas, Minas e São Paulo se tornaram capitanias, sendo assim ligada diretamente a Portugal e não mais ao Rio de Janeiro. Os paulistas, expulsos da região, exploraram e povoaram outras regiões do Brasil, como Goiás e Mato Grosso e em alguns lugares encontraram novamente pedras preciosas.

A Guerra dos Emboabas é considerada um dos primeiros conflitos Nativistas da história do Brasil. Ou seja, revoltas que ainda não tinham um caráter nacional, mas já espelhavam os embates entre "estrangeiros" e "nativos" das terras brasileiras.

Publicações Relacionadas

O TRABALHO ESCRAVO NOS ENGENHOS

O OURO EM MINAS GERAIS

Tratados de Limites no Século XVIII

O Brasil no século XVII e XVIII

Indígenas, brancos e negros

Lista de Exercícios Segundo Reinado ENEM